Editorial

Uma mudança de rumos

Olá,

O Geração Gamer vai acabar? Vários leitores do G2 me fizeram essa pergunta quando o Drops de Jogos foi fundado em março de 2015, fruto de uma parceria com o portal Catraca Livre e de sócios ligados ao setor – agora também com participação do Huffington Post Brasil.

Algum tempo depois, eu finalmente trago uma resposta mais definitiva sobre esta dúvida (e outras).

logotipo-geracao-gamerO site se mantém há mais de um ano sem perder a sua principal linha editorial: Ser um espaço 100% focado na cena brasileira de jogos eletrônicos e games relacionados. Entretanto, após todo esse tempo de atividade solo e mais de 80 colunas no site TechTudo (Globo.com), esta página passará por mudanças a partir de hoje.

Vamos responder as possíveis dúvidas a respeito disso, uma por uma.

Vai acabar, Pedro?

Não vai. Todo o conteúdo divulgado nesta página permanecerá aqui, assim como nossas redes sociais.

O que vai mudar?

A frequência das postagens. Explico.

O projeto Drops de Jogos foi criado para ser um site de games generalista, com notícias ágeis e resumidas nos diferentes campos, mas ele possui uma editoria Indie que cobre a cena brasileira também e traz artigos de serviço aos desenvolvedores de jogos brasileiros. Para tornar o meu trabalho mais efetivo, o hardnews, as notas urgentes, será priorizada no DJ.

Reportagens de fôlego permanecem no G2.

Isso vai diminuir a relevância do site?

Esperamos que não, mas será uma mudança de foco. As pesquisas mensais de jogos de destaque e as anuais permanecem, considerando também games divulgados no Drops de Jogos. O G2 também mantém um programa para incentivar garotas para postarem e divulgarem conteúdos sobre videogames. Estas são as atividades que consideramos essenciais para a página.

O site também possui uma WikiGameDev mantida por desenvolvedores de todas as partes do Brasil, com conteúdo colaborativo. Há também um grupo de Facebook aos interessados em fazer sugestões e críticas a nós.

Por fim, o site possui um Patreon aberto, caso você queira financiar reportagens mais ambiciosas para o Geração Gamer, doando a partir de US$ 1. Nenhuma dessas portas será fechada aos nossos leitores e podemos fazer mais materiais, especialmente se o público tiver uma demanda especial por determinados conteúdos.


Por que essa decisão foi tomada?

Por duas razões: Para manter G2 aberto e para concentrar mais esforços no Drops de Jogos, site que cresce em audiência graças a uma parceria bem-sucedida no Catraca Livre, página com mais de sete milhões de curtidas no Facebook e mais de 62 milhões de pageviews/mês.

A missão dos dois sites, no entanto, segue na iniciativa de divulgar games brasileiros e a produção nacional.

Mais dúvidas?

Fale comigo por email.

Obrigado pela atenção.

Acompanhe Geração Gamer no Facebook e no Twitter.

Anúncios
Padrão

2 comentários sobre “Uma mudança de rumos

  1. Pingback: Uma inquietação sobre a cena brasileira de jogos digitais | Geração Gamer

  2. Pingback: Geração Gamer. Ano Dois | Geração Gamer

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s