Entrevista

“Psicólogos no eSports são bons para o desenvolvimento do cenário brasileiro”, diz Claudio Godoi, da INTZ

A equipe INTZ de League of Legends, que venceu a Keyd Stars por 3×0 na final da primeira etapa do CBLoL no dia 2 de abril de 2016, ganhou R$ 15 mil e uma vaga no torneio mundial que será disputado no México a partir do dia 16 deste mês. O time, que já foi rival e perdeu para a paiN Gaming, vive uma excelente fase após um treinamento em 2015 na cidade de Palo Alto, nos Estados Unidos, e neste ano em Berlim, na Alemanha.

claudio-godoi-1

Um novo nome integrou o time. Claudio Godoi tem 28 anos, é psicólogo formado e pesquisador na área, além de ser baterista nas horas vagas. Seu TCC na faculdade foi um trabalho sobre a ascensão dos MOBAs e de League of Legends e agora ele recentemente entrou na INTZ.

Seu cargo? Claudio essencialmente prepara os atletas para lidar com estresse e com problemas psicológicos que ocorrem na prática do esporte digital. Ele faz parte de uma profissionalização maior das equipes de eSports e nos seus treinos que este repórter conseguiu acompanhar quando visitou a sede da Big Gods em janeiro de 2015.

Para entender melhor sobre a atuação de Claudio Godoi e suas opiniões sobre LoL, CBLoL e INTZ, o site Geração Gamer o procurou para uma entrevista. Ele conversou conosco direto do México. Confira.

Claudio, você é psicólogo. Sua participação em competições profissionais de LoL é boa para sua pesquisa?

A participação de psicólogos em competições profissionais de eSports é boa para o desenvolvimento do cenário brasileiro e para a psicologia nacional de uma forma geral. Isso não existia há cinco anos. É um novo campo de atuação e um caminho a mais para o preparo de cyber atletas.

Os jogadores profissionais de futebol de hoje foram todos preparados desde a infância para trilhar esse caminho, diferente do eSport. Quem está no meio se destacou em um jogo que, a principio, era um passatempo. A psicologia tem muito a contribuir no processo de maturidade desse profissional.

Como você entrou na INTZ? Qual seu papel na equipe atualmente?

Entrei em contato com vários times entre julho a outubro de 2015 com uma proposta de treinamento psicológico para cyber atletas. A INTZ levou a proposta a sério e desde novembro estamos com essa parceria. Conquistamos juntos o CBLoL pós-temporada de 2015 e esta primeira etapa do CBLoL 2016.

claudio-godoi-2

O meu papel é fazer todo o acompanhamento e treinamento psicológico dos atletas com o objetivo de melhorar o desempenho dos jogadores in-game. Isso envolve , por exemplo, controle emocional e técnicas para aprimoramento de aspectos cognitivos que englobam o jogo.

Como você avalia o desempenho da INTZ no CBLoL?

Nosso desempenho no CBLoL foi o melhor possível. Passamos por diversas dificuldades e adversidades que com muito trabalho foram superadas. Essas dificuldades também resultaram em um processo de maior união e sinergia para nossa equipe. Fiquei muito satisfeito com a conclusão deste processo que resultou na vitória do campeonato brasileiro e nos garantiu a vaga para o Wildcard no México. Nós iremos representar o Brasil agora, no dia 16 de abril.

Como você avalia o desempenho de times concorrentes? E qual é o mais desafiador no futuro?

Vejo que todos os times que ingressaram no CBLoL estavam com melhor preparo que o ano passado, trazendo novas estratégias que mudaram completamente a forma de jogar. Como por exemplo a implementação de estratégias a partir do “Portal Zz’Rot”, acompanhamento psicológico e de outros profissionais de diferentes áreas nas equipes. Foi destes pontos que surgiram as “surpresas” do CBLoL.

Acredito que o grande destaque dessa primeira etapa foi a equipe Operation Kino que veio crescendo, aprendendo e desenvolvendo de maneira espantosa durante todo o campeonato. Tenho certeza que eles ainda vão surpreender muito o cenário brasileiro.

Imagino que haverão muitas mudanças entre os integrantes dos times brasileiros para o próximo split. Por isso fica um pouco difícil de prever as próximas competições. Pra mim o time mais desafiador sempre será o próximo que iremos enfrentar.

Por que você se interessou por times de torneios organizados de League of Legends?

Sempre tive interesse por jogos eletrônicos. Em 2006 eu conheci os eSports através do StarCraft e vi as proporções que isso tinha na Coréia do Sul. Estádios lotados, narradores, comentaristas e transmissões em tempo real dos jogos para todo o mundo.

Desde a faculdade eu sempre busquei aproximar a psicologia dos eSports e dos jogos online em um aspecto positivo. Grande parte das pesquisas que vi envolvendo jogos eletrônicos com um olhar psicológico são levados em conta apenas aspectos de dependência, vício e prejuízos pelo uso excessivo. O que pouco se fala é que os jogos tem um outro lado cheio de possibilidades que é pouco explorado na psicologia.

Jogos como o League of Legends e Counter-Strike apenas abriram as portas para que o meu trabalho surgisse no Brasil.

Acompanhe Geração Gamer no Facebook e no Twitter.

Anúncios
Padrão

3 comentários sobre ““Psicólogos no eSports são bons para o desenvolvimento do cenário brasileiro”, diz Claudio Godoi, da INTZ

  1. Andrea disse:

    Muito interessante esse novo campo a ser explorado pela psicologia. Quem joga profissionalmente sofre uma grande pressão psicológica e o trabalho de um profissional dessa área é tão importante quanto nos esportes que não são virtuais.
    Muito boa a reportagem!

    Curtir

  2. Pingback: Cinco novidades que mexeram com a cena brasileira de games – 04/05/2016 | Geração Gamer

  3. Muito interessante a matéria, sou psicóloga e estou desenvolvendo minha pesquisa de mestrado com jogos online, sendo o LOL um jogo em destaque no meu trabalho. Gostaria muito de continuar atuando nesta área e a possibilidade de trabalhar com equipes de jogadores é incrível. Se alguém tiver alguma indicação de equipe que esta contratando seria ótimo!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s