Notícia

Jogo brasileiro Angry Wyllys é uma sátira com os eventos do impeachment de Dilma

A desenvolvedora brasileira Hu3br lançou no dia 2 de maio de 2016 o game Angry Wyllys. Uma sátira a la Angry Birds, o jogador precisa utilizar um personagem baseado no deputado do PSOL para dar uma cusparada em políticos corruptos e da oposição que votaram pelo impeachment da presidente Dilma Rousseff.

angry-wyllys-1 Continuar lendo

Anúncios
Padrão
Notícia

Antes de Angry Brasil, Lizards fez um game de Cunha contra Dilma

Lançado em agosto de 2015, o jogo Vale Tudo foi lançado pela Lizards Games de Brasília antes mesmo do Angry Brasil que traz o político Delcídio Amaral e o juiz Sergio Moro. Neste game mais antigo, o player contra o deputado Eduardo Cunha, acusado de ter contas na Suíça, contra a presidente Dilma Rousseff.

vale-tudo Continuar lendo

Padrão
Notícia

Lizards Games lança “Angry Birds” brasileiro contra Dilma e Lula

Especialista em jogos casuais, a Lizards Games de Brasília lançou no dia 16 de março o jogo Angry Brasil. Baseado no clássico da finlandesa Rovio, o jogo está disponível de graça neste link. Com viés antipetista e bem polarizado, o game te coloca no papel do juiz Sergio Moro e do delator Delcídio Amaral, ex-líder do PT no Senado Federal.

angry-brasil Continuar lendo

Padrão
Reportagem

Saiba quais são os indícios de que a cena brasileira de jogos não vai melhorar com o impeachment

Texto originalmente publicado no Drops de Jogos.

O noticiário recente na política está mexendo com o governo Dilma Rousseff e pode derrubá-lo, especialmente através do processo de impeachment. A delação premiada homologada do senador Delcídio Amaral aponta a própria presidente da República no escândalo da operação Lava Jato, a ciência do ex-presidente Lula, propinas pagas ao senador tucano Aécio Neves, uma suposta propina do ministro Aloizio Mercadante e diretores corruptos indicados pelo vice-presidente Michel Temer.

dilma-baixa-cabeca Continuar lendo

Padrão
Notícia

Sim, já fizeram um game da ministra Kátia Abreu jogando bebida no senador José Serra

De acordo com uma reportagem publicada no jornal O Globo nesta quinta-feira (10) – e depois confirmada pelos presentes -, a ministra da Agricultura do governo Dilma, Kátia Abreu, teria jogado um copo com bebida alcoólica no senador José Serra após ter sido chamada de “namoradeira”.

jose-serra-vinho Continuar lendo

Padrão